Nota de Esclarecimento ao Mercado

A Pandemia do coronavírus tem mudado a rotina do mundo em dimensões sem precedentes. Em escala global, muitos produtos estão em falta devido à alta demanda e à escala de produção estar bastante limitada. Como todos sabemos, trata-se de um problema que não somente assola o nosso país, mas todo o mundo. As dificuldades na produção e transporte são notórias.

A escassez de produtos faz com que os preços sejam constantemente modificados e, por conta deste fato, alguns clientes têm atribuído esse problema à nossa empresa. Este apontamento injusto nos deixa entristecidos, até porque reconhecemos o impacto positivo que nosso trabalho exerce em toda a sociedade.

A Supermed sempre foi admirada por ser uma empresa séria e sempre foi reconhecida como um player competitivo em seu ramo de atuação, que oferece aos seus parceiros e clientes condições flexíveis nas formas de pagamento, logística de mercadorias diferenciada, prioridade no atendimento – justamente devido à responsabilidade social que carregamos.
Prezamos pelo bem estar e pela saúde da população. Esses são valores basilares de nossa empresa além da observância à ética e ao espírito coletivo.

A Supermed empreende imensos esforços dos mais diversos para que sua missão seja atendida: a de fornecer materiais médico-hospitalares sem que haja risco de desabastecimento para a população.
Nossa política comercial e nossos princípios não foram alterados pelo assolamento e medo que ronda a população e reiteramos: não alteramos nenhuma de nossas políticas comerciais em razão dessa situação. O respeito aos nossos clientes e parceiros é outro ponto crucial na condução de nossos negócios.

A Supermed não medirá esforços para garantir que os produtos essenciais, neste momento tão delicado, cheguem a nossos clientes e ao alcance da população com a maior agilidade possível.
Desenvolvemos uma atividade econômica, mas temos como valor irrevogável a responsabilidade social, voltada à distribuição de bens destinados aos cuidados da saúde das pessoas